Peru

O Peru volta a competição após 36 anos na fila. Com participações fracas nas difíceis eliminatórias sul-americanas, os peruanos se classificaram pela última vez em 1982, oportunidade na qual foram eliminados ainda na primeira fase, em último lugar, após empates contra Itália (1×1) e Polônia (0x0), e uma derrota acachapante para Camarões (1×5).

A melhor campanha na competição foi em 1970, quando chegou às quartas-de-final (2° fase na época). Na primeira fase, os peruanos venceram a Bulgária (3×2) e Marrocos (3×0) e perderam para a Alemanha Ocidental (3×1). A segunda colocação pôs no caminho peruano a seleção brasileira, que se consagraria tricampeã naquele mundial. Com uma apresentação memorável de Tostão, que marcou duas vezes e deu um passe para gol, os peruanos foram eliminados (2×4).

Vale citar a Copa de 1978, quando Teófilo Cubillas apresentava toda a sua elegância, mas tudo isso foi omitido na partida contra a campeã Argentina, partida na qual o Peru perdeu por 6×0. Esse jogo levante questionamentos até hoje, já que a seleção era a menos vazada e apresentava um dos melhores esquemas de jogo da competição.

Em 2018, os peruanos já iniciam o mundial com um revés: Paolo Guerrero, centroavante do Flamengo, maior artilheiro da história da seleção peruana, foi punido pela Fifa no exame antidoping. Foi encontrada em exame de urina a substância benzoilecgonina, encontrada na cocaína. O site Lance! entrevistou o especialista em controle de dopagem Bruno Brandão para entender a situação do jogador, que alega inocência.

Sem o atacante, os peruanos, que se classificaram na repescagem para o mundial, apostam as fichas em Jefferson Farfán. Na atual temporada, Farfán marcou 10 gols em 22 jogos pelo Lokomotiv Moscou, da Rússia.

 

Cultura

O Peru é um país predominantemente católico, o que é muito comum na América do Sul. O país é destacado pelo seu artesanato e suas festas temáticas, que ocorrem muitas vezes durante o ano. Em toda a região geográfica, o Peru já registrou mais de 40 dialetos diferenciados. Além de toda a cultura histórica, o país também tem suas características gastronômicas. O Ceviche, Ají de Galinha e Papa a La Huancaína, são especialidades locais que vêm conquistando o mundo com suas peculiaridades.

 

Páginas Relacionadas